Um cliente improvável também pode se tornar case de sucesso

Da autobiografia de Scott Adams

“Meu nível de paixão mudou com meu sucesso. 

O sucesso causou paixão mais do que a paixão causou sucesso”

O que tirei disso, adaptado a #customersuccess :

-Um cliente advogado da marca muitas vezes não começa apaixonado pela marca. 

-Essa espécie de paixão vai acontecendo através dos resultados, do sucesso alcançado, e de preferência com experiências positivas nas interações.

Já vi acontecer algumas vezes: o maior case de sucesso em um período foi aquele cliente que entrou sem muito alarde e gerou um resultado fantástico – e o cliente com mais expectativa acabou não vingando como imaginávamos. 

Já aconteceu por aí?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.